Informação da Publicação

Título As Manifestações Oculares nos Pacientes Diabéticos Avaliados no Serviço de Oftalmologia do Hospital Dr. Batista de Sousa nos Últimos 5 anos
Autor(es)
Palavras-chave
Diabetes mellitus
Saúde ocular diabética
Retinopatia diabética
Manifestações oculares diabéticas
Data 2021
Resumo
A Diabetes mellitus (DM) e suas complicações no organismo implicam consequências diretas e indiretas na vida da população e também para o sistema de saúde do país, na medida em que a escassez dos recursos e o diagnóstico tardio da DM em Cabo Verde aumenta a complexidade das consequências a nível macro e microvasculares. O presente estudo tem como principal objetivo identificar as consequências microvasculares da DM nos utentes diabéticos. Trata-se de um estudo retrospetivo que recolha as informações através das fichas clínicas dos utentes diabéticos que fizeram controlo no serviço de oftalmologia em São Vicente no período de 2015 a 2020. Em total de 57 fichas clínicas dos utentes diabéticos por diferentes motivos e conforme os critérios de inclusão e exclusão foram escolhidas 22 fichas clínicas dos utentes com total de 44 olhos para a realização deste estudo. Os resultados demostram que 18,(18%) dos utentes eram do sexo masculino e (72,72%) eram do sexo feminino, identifica-se (45,45%) DM tipo 1 e (50%) DM tipo 2, cerca de (63,63%) dos utentes tinham idade entre 50 anos inclusive até 70 anos exclusive. Quanto a localização geográfica cerca de (13,63%) em Porto Novo, (9,09%) em Fernando Pó, (9,09%) em Ribeira Bote, (9,09%) em Monte e (9,09%) em Ribeirinha. A Retinopatia diabética (RD) consiste em principais manifestações oculares da DM e encontra-se em cerca de (95,45%) sendo que (40,90%) está associada a maculopatia diabética, porém existem outras alterações além da RD nomeadamente (72,72%) catarata, (4,54%) ptose, (9,09%) pterígio, (2,27%) pinguécula (4,54%), hiperemia conjuntival (9,09%), neovascularização de iris e (4,54%) glaucoma. Quanto a AV cerca de (61,36%) tinham AV entre 0.1 até 0.4 e apenas (4,54%) tinham AV 1. Quanto a última consulta cerca de (50%) dos utentes fizeram controlo no último ano e cerca de (36%) que não são vistos há 3 anos, cerca de (31,81%) tinham valor de glicemia entre 100 até 200 mgdl enquanto (22,72%) encontra-se sem medição de glicemia. Além da diabetes mellitus identificaram também outras patologias cerca de (27,27%) de HTA, (18,18%) dislipidemia e 4,54 AVC.
Tipo Monografia Licenciatura - Tese de Licenciatura
URL https://drive.google.com/file/d/19vV7WB3ierbR5MiiQ_FYvMJAyUYq3LvM/view?usp=sharing
URL_Anexo
Ficheiro